sexta-feira, 22 de abril de 2016

Quadrilha invade casa, mata cachorro e explode sede da Prosegur

Local do crime
 Em uma ação cinematográfica, uma quadrilha cercou um quarteirão na cidade de Barreiras, no Oeste da Bahia, invadiu um residência, explodiu a sede de uma empresa de transporte de valores e trocou tiros por mais de uma hora com as polícias Civil e Militar do município.

O assalto deixou os moradores da cidade em pânico e feriu um policial militar. O grupo também matou o cachorro de uma família local. Ao CORREIO, a vendedora Margarete de Souza Ferreira, que mora perto do local do crime, revelou que estava dormindo no momento e acordou com o barulho.
 
"Fique com medo quando ouvi as explosões, e fiquei dentro de casa. Soube que quem mora ainda mais perto da Prosegur teve o portão de casa todo atingido por tiros", disse Margarete. 
 
De acordo com o capitão Cristiano Andrade da Gama, comandante 84ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), pelo menos 15 homens participaram da ação, que começou por volta da 1h30. Integrantes do grupo invadiram a casa de uma família que ficava nos fundos da sede da Prosegur, na rua São Sebastião. 
O grupo rendeu os moradores da residência e invadiu local. "Eles entraram na casa, acordaram todo mundo e deram muitos tiros, colocaram dinamite no muro dos fundos do imóvel, que dava acesso à empresa, e explodiram", relatou ao CORREIO o delegado Joaquim Rodrigues, titular da 1ª Delegacia de Barreiras. "Com isso, eles tiveram acesso até o pátio da Prosegur, e saíram colocando dinamite nos obstáculos até chegar em uma área onde havia o cofre matriz, onde ficavam os malotes de dinheiro".
 
Os criminosos também mataram o cachorro da família. No momento da ação, havia apenas um funcionário na sede da empresa, um segurança. "Eles jogaram dinamite na guarita onde o segurança estava, e ele acabou se escondendo em um local onde os bandidos não tiveram acesso. Mas aí eles já tinham conseguido chegar onde queriam e explodiram o cofre", disse o delegado Joaquim. 
 
Troca de tiros durou mais de uma hora, diz polícia
O quarteirão onde a sede da Prosegur fica foi cercado pelos bandidos, que entraram em confronto com a polícia. "Eu estive com uma equipe no local e fomos recebidos à bala. Foi uma ação que demorou muito, quase cinematográfica. A troca de tiros deve ter durado mais de uma hora", afirma o investigador.
 
O comandante Gama também confirma a informação. "O confronto foi bem demorado, durou cerca de 50 minutos ou mais, e eles estavam usando armas de grosso calibre. Eles também queimaram veículos em dois pontos da cidade para dificultar o apoio de guarnições da polícia", conta o PM.
 
A quadrilha usou uma Fiat Strada e um caminhonete S-10 para bloquear o acesso a uma ponte que separa o centro da cidade do bairro Barreirinhas e o acesso à estrada que liga os municípios de Luis Eduardo Magalhães e Barreiras. Eles também atearam fogo aos veículos e os abandonaram no local. 
Um dos carros incendiados pela quadrilha durante a ação (Foto: Site Mais Oeste)
Durante o confronto, um PM foi alvejado no pé. Ele foi socorrido para o Hospital do Oeste, mas ainda segundo a polícia, foi medicado e passa bem. O grupo de criminosos fugiu e foi perseguido por equipes da Polícia Civil, e guarnições da Rondesp Oeste, 83ª e 84ª CIPM, assim como pela Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Cerrado). As equipes realizam buscas na região.
 
Bandidos tomaram veículos de assalto durante fuga
Os assaltantes fugiram pela BR-135, rodovia que liga a Bahia ao estado do Piauí. De acordo com o delegado Joaquim Rodrigues, a quadrilha abandonou três veículos nas imediações da cidade durante a fuga - duas caminhonetes Hilux e uma Ranger Rover.
 
Já a Polícia Militar afirma que, até o momento, dois veículos utilizados na ação foram apreendidos, mas que os criminosos foram abandonando vários carros ao longo da rodovia. "No local do embate ficaram dois - uma Ranger e uma Hilux branca. Um outro veículo que deu apoio a eles durante a ação, uma Strada, foi queimada na estrada que dá acesso a Luis Eduardo Magalhães. Mas teve muita gente de moto e muita gente de carro participante da situação", afirma o capitão Cristiano da Gama.
"A gente também soube que eles foram tomando veículos de assalto para fugir - uma Frontier branca, uma SW-4 preta... Tem mais um outro carro que ainda não confirmamos se foi roubado mesmo, mas que foi achado abandonado mais à frente. E alguns bandidos possivelmente ficaram feridos, porque encontramos vestígios de sangue na esquina onde eles trocaram tiros e em alguns dos veículos abandonados", concluiu o comandante da 84ª CIPM. 
 
Quantia roubada não foi divulgada por polícia; empresa diz que colabora com investigações
A perícia no local do crime foi realizada na manhã desta sexta-feira (22). Ainda assim, os valores roubados pelo grupo durante o assalto ainda não foram confirmados pela Polícia Civil e pela empresa.
 
"Ainda não se contabilizou quanto eles levaram, mesmo porque eles explodiram tudo lá", comentou o delegado Joaquim, que revelou que a delegacia de Barreiras ainda não identificou suspeitos de participarem do crime.
 
O CORREIO entrou em contato com a Prosegur, que também não divulgou a quantia roubada pelos criminosos. Em nota enviada à imprensa, a empresa disse que está fazendo o possível para auxiliar a polícia nas investigações. Leia abaixo na íntegra:
 
"A Prosegur confirma um assalto ocorrido na madrugada de hoje (22/04) a sua base em Barreiras – BA. A companhia informa que nenhum de seus funcionários foi ferido e que está à disposição das autoridades e colaborando para o andamento das investigações". 
 
Informações do CORREIO 24 HORAS. Colaborou Tássio Santos, integrante da 10ª turma do programa CORREIO de Futuro fotos Fernandez Fernandes/ Blog Sigi Vilares

Jovem é libertada após ser mantida presa em cativeiro por dois anos pelo marido

Carta da jovem
 Uma jovem de 23 anos foi libertada após passar dois anos sendo mantida em um cativeiro pelo próprio marido em Cuiabá, no Mato Grosso. De acordo com a promotora de Justiça responsável pelo caso, Lindinalva Rodrigues, a vítima era espancada, torturada, dopada por remédios e ameaçada pelo marido, que também a impedia de se comunicar com a família, que não mora no estado.

Telefone, celular, televisão, internet ou qualquer outro tipo de contato externo eram impedidos pelo marido, que está com prisão decretada e foragido desde a semana passada, quando a jovem foi resgatada da fazenda em que morava com ele. Segundo testemunhas e relatos da própria vítima, ela conheceu o esposo quando tinha 12 anos.
 
O caso foi descoberto pela família da vítima no final do ano passado, quando a mãe foi passar um período com a filha na fazenda em Cuiabá. Na ocasião, a jovem conseguiu entregar, escondido do marido, uma carta para a mãe onde revelava a situação que vivia. 
Na carta, a jovem relatou ainda que a família do marido e as pessoas próximas ao casal sabiam da situação vivida por ela. No entanto, nenhuma delas interferia na relação ou denunciou o caso à polícia até então.
 
Com a dificuldade constante de entrar em contato com a filha por telefone depois, a família começou a desconfiar e procurou a promotoria para registrar um boletim de ocorrência na Polícia Civil. 
 
Uma equipe policial foi até a fazenda onde procurou pela jovem e pelo suspeito. Porém, o marido se escondeu na propriedade e levou a mulher junto. “Somente depois que a polícia saiu a família o convenceu de entregar a jovem. Mas a própria família disse que ele não vai ser preso de jeito nenhum porque eles têm muito dinheiro e influência”, afirmou a promotora.
 
Na casa do casal a polícia encontrou até um revólver, que ele usava para ameaçá-la e obrigá-la a vestir determinadas roupas e fazer somente o que ele ordenava dentro de casa.
 
Informações do CORREIO 24 HORAS 

Colisão entre carro e caminhão deixa um morto e dois feridos na BR-116

Local do acidente
 Um homem morreu e outros dois ficaram feridos após uma colisão entre um carro de passeio e um caminhão, na tarde desta quarta-feira (20), na BR-116, trecho do município de Jequié, no sudoeste da Bahia.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista do caminhão teria feito uma ultrapassagem indevida, no trecho conhecido com Curva do Abacaxi,  provocando o acidente. Com o impacto da batida, o carro e carroceria do caminhão ficaram completamente destruídos.
O motorista do carro de passeio, identificado como Marcelo Almeida Ferraz, morreu na hora, enquanto o carona do veículo, Antônio Pedro Brito Oliveira, de 22 anos, ficou ferido e foi encaminhado ao Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié. O motorista do caminhão teve ferimentos leves.
 
Informações do g1 e foto: Blog Marcos Frahm

terça-feira, 12 de abril de 2016

Serralheiro morre após colisão entre dois veículos no Ponto Central

Local do acidente
 O serralheiro José Almeida Santos, de 75 anos morreu após ser atingido por um veículo Kombi, que se envolveu em um acidente ocorrido por volta das 7h40 desta terça-feira (12/04), no cruzamento das ruas Simões Filho e Sabino Silva, no Bairro Ponto Central, em Feira de Santana.

De acordo com informações de testemunhas, o acidente aconteceu após o veículo Etios placa PGT- 3606 e uma Kombi escolar de placa JRV -7476 chocaram-se no cruzamento das ruas, sendo que a Kombi girou na pista e teria atingido José, que estava circulando de bicicleta próximo a calçada.
Com o impacto, o idoso foi arremessado a cerca de cinco metros e o mesmo bateu a cabeça e uma estaca de cimento e o mesmo teve afundamento da face, fratura das pernas e varias escoriações pelo corpo.  Conforme informações de vizinhos, no cruzamento tem sido coisa comum acontecer acidente, pois os motoristas não respeitam as placas de sinalização.
 
 “A maioria dos motoristas não respeita a sinalização. Aqui na esquina há uma placa sinalizando para o motorista para e eles atravessam em alta velocidade. O único jeito vai ser colocar um redutor de velocidade aqui no local”, observa o cabelereiro Luciano Santos.
Segundo informações dos moradores, essa já é a segunda morte, devido ao desrespeito por falta dos motoristas. O serralheiro morava no bairro Conceição.

Dois homens foram assassinados a tiros na noite de segunda-feira (11) em Feira

Dois homens foram assassinados a tiros em Feira de Santana na segunda-feira (11). O primeiro crime ocorreu por volta da19h, no povoado de Pau Seco, no distrito de Humildes. Segundo a polícia, Odeli Moreira Queiroz, 35 anos, que morava no mesmo povoado, foi atingido por vários tiros na barriga.

Por volta das 23h30, Carlos Douglas Reis dos Santos, 21, foi assassinado em uma residência na Rua Iracema Mendes, no loteamento Nossa Senhora de Fátima, no bairro Parque Ipê. De acordo com a polícia, pessoas ainda não identificadas invadiram a casa dele e atiraram nas costas, nuca e rosto do jovem.

Até o momento os motivos dos dois homicídios são desconhecidos. As autorias estão sendo investigadas. Os corpos foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

ExpoSegurança em Feira de Santana aproximará polícia e comunidade

ExpoSegurança
 Moradores da segunda maior cidade da Bahia poderão conhecer os equipamentos utilizados pelas polícias Militar, Civil e Técnica e pelo Corpo de Bombeiros. Nos dias 14,15 e 16 de abril, no shopping Boulevard, em Feira de Santana, a Secretaria da Segurança Pública promoverá a ExpoSegurança Bahia 2016, com objetivo de aproximar a sociedade feirense do dia a dia das forças estaduais de segurança e demonstrar como será o trabalho na Micareta, programada para o período de 28 de abril a 1º de maio.

A exposição ocorrerá das 10 às 19 horas em diversos locais (nas partes interna e externa) do shopping. Serão exibidos vídeos institucionais, distribuídas cartilhas e promovidas atuações didáticas do grupo antibomba, das unidades periciais, do policiamento rodoviário e das equipes de combate a incêndio.
 
“Pelo segundo ano convocamos a população de Feira de Santana pra interagir com a polícia baiana. Será um prazer demonstrarmos como atuamos em grandes eventos”, disse o diretor de Planejamento Integrado da Superintendência de Gestão Integrada da Ação Policial (Siap), major PM Arnaldo Neto.
 
O coordenador da exposição acrescentou que as pessoas poderão tirar fotos dos equipamentos com os policiais e saber detalhes das atribuições de cada instituição na segurança do cidadão.

Acidente na BR-242 destrói cabine de carreta e motorista sai consciente

Local do acidente
 O motorista de uma carreta saiu com ferimentos leves após uma colisão que destruiu completamente a cabine do veículo que ele dirigia. O acidente ocorreu por volta das 10h deste domingo (10/04), na BR-242, próximo à cidade de Barreira, no oeste da Bahia, e envolveu três carretas.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a colisão ocorreu na altura do Km-780. Ainda de acordo com a PRF, estava chovendo no momento, e uma das carretas derrapou e atingiu outra que vinha no sentido oposto. Uma terceira carreta acabou envolvida na ocorrência.
O motorista ferido ficou preso nas ferragens, mas foi retirado por equipes do Corpo de Bombeiros consciente e com leves escoriações. Não há informações se a vítima estava no veículo que derrapou. A PRF não divulgou para qual hospital o motorista foi levado.
Até às 16h, as carretas permaneciam no local e causavam um grande congestionamento.
 
Informações do g1 e foto: Edivaldo Braga/Blog Braga